Wednesday, May 31, 2017

Leave-Taking - Louise Bogan

       


Leave-Taking - Louise Bogan


I do not know where either of us can turn
Just at first, waking from the sleep of each other.
I do not know how we can bear
The river struck by the gold plummet of the moon,
Or many trees shaken together in the darkness.
We shall wish not to be alone
And that love were not dispersed and set free—
Though you defeat me,
And I be heavy upon you.

But like earth heaped over the heart
Is love grown perfect.
Like a shell over the beat of life
Is love perfect to the last.
So let it be the same
Whether we turn to the dark or to the kiss of another;
Let us know this for leavetaking,
That I may not be heavy upon you,
That you may blind me no more.



Leave-Taking - Louise Bogan - Tradução em Português


Eu não sei onde nenhum de nós pode mudar
Apenas no início, acordando do sono um do outro.
Não sei como podemos suportar
O rio atingido pela queda de ouro da lua,
Ou muitas árvores abaladas na escuridão.
Devemos desejar não estar sozinhos
E esse amor não estava disperso e libertado -
Embora você me vença,
E eu estou pesado sobre você.

Mas, como a terra engasgou sobre o coração
O amor é perfeito.
Como uma casca ao longo da vida
O amor é perfeito até o final.
Então, deixe ser o mesmo
Se nos voltamos para o escuro ou para o beijo de outro;
Deixe-nos saber isso para deixar,
Para que eu não seja pesado sobre você,
Para que você não me cegue mais.



Leave-Taking - Louise Bogan - La traducción en español


No sé a dónde podemos acudir
Al principio, despertando del sueño de uno al otro.
No sé cómo podemos soportar
El río golpeado por el desplome de oro de la luna,
O muchos árboles sacudidos juntos en la oscuridad.
Deseamos no estar solos
Y ese amor no fue dispersado y puesto libre-
Aunque me derrotes,
Y yo estaré sobre ti.

Pero como la tierra amontonada sobre el corazón
El amor es perfecto.
Como una cáscara sobre el latido de la vida
El amor es perfecto hasta el final.
Así que sea lo mismo
Ya sea que nos volvamos a la oscuridad o al beso de otro;
Háganoslo saber para dejarlo,
Para que no sea pesado sobre ti,
Que no me puedas cegar más. 


Conteúdo completo disponível em:






Links:


Slippery Letra

Mask Off Letra

Slippery Letra

Bacias hidrográficas do estado de São Paulo

Prédios mais altos do mundo

O Alienista PDF

Just Go #JustGo - Viagem Volta ao Mundo

Atividades extrativistas do Mato Grosso do Sul

Idade das Religões - Religião História

Bíblia Online

Top 10 BLOGs by Sanderlei Silveira



The Dark - Ellen M.H. Gates - Poetry, Poem

Thou Art Not Lovelier Than Lilacs, - No - Edna St. Vincent Millay - Sonnet 18 - Poetry, Poem

Slippery - Migos - Letra Musica - Tradução em Português

Economia em 1 Minuto - Sanderlei

As festas populares em Santa Catarina SC

Áreas de preservação no estado de São Paulo SP

A Guerra do Contestado PR

Pantanal – Patrimônio Natural da Humanidade MS

Mein Kampf PDF

Palácio da Justiça do Amazonas - Centro Cultural, Museu - Manaus - Amazonas AM - Brasil


No comments:

Post a Comment